"Eu não sou um animal! Eu sou um.... bem, não sou um animal."

.

.

.

.

.