"A vitória tem mil pais e a derrota é órfã." (Napoleão Bonaparte)

.

.

.

.

.